Associação de Acólitos de Leça da Palmeira – 50 anos a servir

A associação de Acólitos de Leça da Palmeira nasce no mês de Dezembro de 1965.

A ideia de formar esta associação surgiu pela vontade de duas figuras de grande importância para a comunidade de Leça da Palmeira: Pe. Alcino Augusto Vieira dos Santos e pelo então sacristão, Luís Barra.

Coincidência, ou não, a nossa associação nasce no mesmo ano em que terminou o II Concílio Ecuménico do Vaticano, pois o pároco, já na época, era tido como um visionário e progressista. Neste sentido, a nossa associação nasce em resposta às reformas litúrgicas resultantes do concílio, e desde então até ao presente ainda não parou de servir, formar e educar.

A nossa associação tem como objetivo a formação de jovens para o serviço litúrgico com especial incidência sobre o Sacramento da Eucaristia.

Além desta importante e singular missão, é também objetivo da associação fomentar experiências que visem o crescimento de fé ao mesmo tempo em que acompanhamos o seu crescimento humano e social.

Origem

A palavra acólito vem do verbo acolitar que significa acompanhar no caminho. O acólito é aquele que precede ou segue outras pessoas, para servir e ajudar. Auxilia primeiramente o padre e o bispo, mas também ao diácono.

O acólito tem a sua origem litúrgica nas antigas ordens menores: osteário, leitor, exorcista e acólito. Com o Concílio Vaticano II, essas ordens menores foram extintas, mantendo-se apenas os ministérios de leitor e acólito.

 

O acólito

Ser acólito é estar ao serviço: ao serviço do altar e do próximo. Servir o altar não é apenas ajudar o presidente da celebração, transportar os objetos litúrgicos ou executar outras funções que lhe sejam próprias. Servir o altar é muito mais: é participar no Mistério Pascal de Cristo, ou seja, da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus. Servir o altar é estar aos pés da cruz, é contemplar o Cristo Ressuscitado com os olhos da Fé e viver alegremente o Evangelho.

Estar ao serviço do próximo é estar pronto para a doação e a entrega, é ser amparo e consolo para os que necessitam, é saber amar e viver a caridade. A vida de Cristo foi dedicada a servir o próximo. Da mesma forma, o acólito é chamado a servir como Cristo.

No seu serviço, o acólito, deve buscar sempre a alegria e a disposição, o contacto fraterno e amigo, o respeito e a dedicação às coisas sagradas.

A oração na vida do acólito é fundamental. É pela oração que o acólito aprende a relacionar-se com Deus e a tornar-se íntimo de Jesus eucarístico. Sem oração não se pode servir o altar, pois como vamos estar com Cristo se não temos intimidade com ele? É a oração que permite ao acólito exercer o seu serviço ao próximo e ao altar de forma digna.

Ser acólito é viver a eucaristia, é viver Cristo em todos os momentos da vida. A Eucaristia é a fonte de todas as graças, é alimento que fortalece a alma e nos conduz ao Pai. Ao viver a Eucaristia, o acólito vive o seu ministério de serviço com mais dignidade, dedicação, oração e amor e, assim, santifica-se e aproxima-se mais de Deus.

É tudo isto que desde 1965 a nossa associação se dedica. Ao longo destes 50 anos, a AALP teve altos e baixos. Felizmente, neste momento que estamos a viver a associação passa por um dos bons momento contando atualmente com cerca de 60 acólitos.

Para assinalar esta data tão marcante e significativa para a associação e comunidade leceira elaboramos uma programação, na qual consta um conjunto de atividades que pensamos oportunas no âmbito da nossa missão.

 

Programação:

Sessão Solene

Dia: 16 de Outubro

Hora: 21h30

Local: Salão Nobre dos Bombeiros Voluntários Matosinhos-Leça

 

Concerto de Música Sacra

Coro do Mosteiro de Grijó

Dia: 24 de Outubro

Hora: 21h30

Local: Igreja Matriz

 

Conferência

Dr. Bernardino Costa, Abade de Singeverga e Professor da Faculdade de Teologia

Dia: 13 de Novembro

Hora: 21h30

Local: Igreja Matriz

 

Exposição

Dia: 21 de Novembro a 8 de Dezembro

Local: Capela Nossa Senhora da Piedade

Hora: 10h00

 

Aniversário

Dia: 5 de Dezembro

Local: Paróquia de Leça da Palmeira

Hora: 10h00

Partilhar:
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um comentário em “Associação de Acólitos de Leça da Palmeira – 50 anos a servir

  1. Tive o privilégio de estar presente na vossa sessão solene, assinalando a abertura das comemorações dos 50 anos da AALP. Foi uma sessão solene muito bem organizada, na base daquilo que é a imagem de marca da vossa associação. Mas o que de fato marcou essa noite, foi a forma sentida e emotiva dos testemunhos daqueles que passaram pela vossa associação. O discurso do vosso presidente foi o exemplo concreto de quem vive o “ser Acólito” de uma forma única. PARABÉNS pelos vossos 50 anos ao serviço de Deus, da Comunidade e na formação dos mais jovens, são os votos sinceros de todo o coro do Sagrado Coração de Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *